quarta-feira, 1 de outubro de 2014


Voltei ao trabalho. Depois de mais de seis meses de ausência, voltei devagar e com calma. Não será fácil absorver as alterações que aconteceram desde que deixei as minhas funções e por isso tenho de ir passo a passo para que consiga arrumar tudo nos sítios certos. Também não será fácil passar o dia sem o meu bebé, mas a certeza de que está bem entregue ajuda a que as horas passem tranquilas. Ele colabora (tal como fez o mano crescido) e fica no colégio bem disposto, sem lágrimas. Há uns dias expliquei-lhe que a mamã ia deixá-lo ao cuidado de outra pessoa, mas que continuava a amá-lo como sempre, e presumo que ele me tenha entendido.

É uma fase difícil? É. Dolorosa? Sim. Mas o segredo é vivê-la sem dramas e acima de tudo agradecer as muitas semanas que passamos juntos. Esta é a altura certa de olhar para o copo e vê-lo meio cheio e relativizar. Nos tempos que correm, é bom ter para onde voltar.

2 comentários:

marina maia disse...

Prima é a vida no seu melhor, acredita!
Beijinhos e força!!!

A Tulipa Azul disse...

Eles são pequeninos, mas têm que ir para a escola, nós temos que trabalhar.:)